14 de fevereiro de 2011

..


Today is the day that nothing happen
Incapable to feel
Incapable to move beyond
Incapable to be all

The life is now without a sunset
Darkness is the truth ahead

(You may not scare)

Just be what you have to be
do, what you have to do.
It’s so silly when we think about us
it’s so silly when I think about you.

13 de fevereiro de 2011

Come, little child
to a world of perceptions
and infinite desire.

You're finally for your own
Your command will be your whole and lonely path,
A world that fells no more than a raw stone.

Sad days.
dark nights.
(A little of that and I will no longer shine)

Hope you're able to manage the things
                                                            but....
in best of cases
You'll die!

Drow in your own dreams
that nobody dream

                                    - I'll be alright.

10 de fevereiro de 2011

Desencontro

Se ao menos eu pudesse dizer as coisas no exato momento em que nascem em mim. Me calo e por isso acreditam que sou desatenta. Busco apenas sentir da melhor maneira possível, e tentar assim, passar o máximo de sinceridade das coisas que me são. Sou ingênua demais quanto a momentos compartilhados. Quis me acostumar com a solidão e acabei conhecendo-a demais. Agora é ela quem eu procuro quando me sinto acuada, frágil demais em tentar ser alguma coisa. Não deveria ser o contrário? Deveria querer um abraço seu, algumas poucas palavras simples. Mas o mundo me joga contra coisas ásperas, duras de se sentir, inabaláveis. Não me acostumei a dividir momentos, e com isso acabei falhando no que queríamos ser juntos. Inquieta, respiração, deito a cabeça nos joelhos, sem pensar, pois não preciso disso por enquanto. Apenas sentir o momento me basta. Saber que me doem tantas coisas e que ainda assim, fui escolher compartilhar tudo isso. Desculpe pelos momentos em mim mesma, pelos instantes em que você, cansado, me pergunta coisas sem ter respostas. Queria que soubesse que se assim o faço é por saber que existem momentos em que as palavras nascem, momentos inexatos, mas estão lá. E elas sairão...quando enfim nos encontrarmos em um silêncio.

3am

São as tentações mais simples as mais fortes e destrutivas. E em um dia qualquer conhecer pessoas interessantes. É entre as primeiras conversas que surge o ciúme. Seus olhos em outra, e eu com todo meu teatro em parecer forte e independente. São nas horas que mais me conheço que vejo como sou frágil. As outras horas de palavras que virão nunca serão mais sinceras do que um sorriso dado há pouco tempo. Sabia que não precisava nada mais além daquele sorriso. Tentar por horas um só corpo, um só cheiro, um só gesto... Aí sim, podem-se misturar dois seres, dois sexos, dois completos desconhecidos.

Byron & Keats

Tentando lembrar as palavras de Byron e John Keats...

_____________________

O poeta é a criatura menos humana de todas,
pois ele é tudo e nada ao mesmo tempo.
Está entre ser e não ser.
É a mais insignificante das criaturas de Deus.

___________________


A religião do mundo deveria ser a poesia. Pois ela é a única coisa verdadeira no coração dos homens. Os poetas então, seriam deuses.

Já faz tempo


E se faz o tempo
que não se vê onde
que não se vê motivos
também não o porquê

Porque faz tempo
que não se é você mesmo
E nesse mesmo tempo
não se é ninguém
Porque já faz tempo
sem alguém